quinta-feira, 22 de julho de 2010

Filhotes


Hoje quando acordei meu filho olhou pra mim e disse "bom dia, princesa".
Não preciso de mais nada. Entende?! Eu sou importante para alguém.
Um dia desses uma pessoa me perguntou se eu não me arrependia de ter me tornado mãe. Primeiro, que pergunta idiota. Segundo, não. Não me arrependo. É a melhor coisa que eu já fiz. E faço bem, modéstia a PQP.
As pessoas ficam imaginando que - só porque meu mundo hoje já não gira em torno do meu umbigo - eu sou infeliz. Que eu sinto saudade de sair, beber, voltar a hora que bem entendo, dormir até mais tarde, comprar compulsivamente e sem culpa. Essas coisas todas não importam mais. Mesmo. A vida com meus filhos e marido é tranquila, caseira, discreta. Nós vivemos um para o outro e não tem nada que seja mais delicioso. Sabe aquela frase "E o passado é uma roupa que não nos serve mais" da música interpretada pela Elis? É exatamente isso. As coisas que ficaram pra trás do momento em que vivo agora, não me servem mais. Não preciso de nada além da felicidade que sinto em estar perto deles.
Engraçado como isso incomoda alguns. Talvez por eles também sonharem um dia em viver o que tenho vivido e sentirem-se acovardados de tentar.



4 comentários:

  1. AI AMIGA NOSSOS FILHOS NOSSOS TESOUROS, COMO NÃO SENTIR-SE A PESSOA MAIS FELIZ DO MUNDO NÉ?

    BJS

    ResponderExcluir
  2. Seus filhos são lindos e merecem todo o amor do mundo.
    =)
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Prazer maior não ha!! Mandinha eles estão muito fofos!!! Hoje arrependeria sim... de não tê-los. Beijos, Lila

    ResponderExcluir
  4. Filho, seja lá como for, é TDB.
    Bj

    ResponderExcluir