terça-feira, 10 de agosto de 2010

Socorrei!

"Pedro, aproximando-se, lhe perguntou: Senhor, até quantas vezes meu irmão pecará contra mim, que eu lhe perdoe? Até sete vezes? Respondeu-lhe Jesus: Não te digo que até sete vezes, mas até setenta vezes sete".
Mt. 18:21,22

Ontem aconteceu algo muito definitivo na minha vida. Um conflito que gerou uma decisão que - acredito - seja eterna.
As pessoas me magoam por diversas vezes, mas chega a um ponto muito triste em que o perdão já não é possível.
No entanto, né meu eterno ministro Gil, as coisas não são imutáveis. Eu não tenho controle sobre o tempo, ele é Rei. Você bem disse.

Portanto,
"Tempo Rei, transformai as velhas formas do viver. Ensinai-me, oh Pai, o que ainda não sei..."

Só escrevendo pra exorcizar a tristeza.


Nenhum comentário:

Postar um comentário